lt;!-- -->
sábado, 28 de março de 2015

Mota-Engil num jogo psicológico

A Mota-Engil após dado sinal de partida no dia 24 de Fevereiro, e reforçado a sua intenção no dia 5 de Março, completou dois dos três possíveis objectivos, mencionados em " O desafio da Mota-Engil está por dias ". Falta agora, apenas um dos objectivos, negociar na área de 4.20€ por acção, um valor  mais difícil de ser atingido face aos 3.455€ e 3.69€ por acção, colocando os investidores da Mota-Engil  num jogo psicológico.


Este jogo psicológico da Mota-Engil, para mim começou após o primeiro sinal a favor de entradas longas no dia 24 de Fevereiro, a minha  percepção no decorrer deste tempo, foi que o título encontrava-se a mastigar, esperava algo mais na Mota-Engil, poderá ser considerado por alguns, algo sem nexo, mas foi este o meu pensamento. Terei sido o único?

Vi algumas cotadas a terem um comportamento espectacular, e a Mota-Engil muito aquém, considerava eu, fui analisar o desempenho em percentagem das principais cotadas do PSI20 e pude constatar que a EGL até teve uma boa valorização, dentro da média das cotadas, desde 24 de Fevereiro até aos seus valores máximos realizados.

 Era óptimo se a Mota-Engil tivesse tido um desempenho como a Altri, Banif, mas não aconteceu, entretanto as três últimas sessões têm colocado alguns investidores da Mota-Engil, num jogo psicológico.


Gráfico diário Mota-Engil

Principalmente para os investidores que entraram na área de 3.50€, estejam a ser actualmente os mais pressionados pelas dúvidas quanto á progressão do título. Para quem entrou na área dos 3.62€, possivelmente a maioria já se encontra fora do título, em melhores condições neste jogo psicológico, encontram-se quem  entrou nos primeiros sinais de entradas longas, ainda descansados mas de sobreaviso com certeza.

Para diminuir dúvidas, acções precipitadas, nada melhor que tentar observar os argumentos que a Mota-Engil  apresenta  para não entrar num jogo psicológico que impeça de tomar a melhor decisão na sua devida altura.

Factores a favor do movimento ascendente de curto prazo;
  • Mota-Engil encontra-se a negociar acima médias moveis no gráfico diário.
  • PSI20 rejeitou os 6100 pts na sua primeira tentativa mas continua com uma tendência ascendente.
  • Inicio de formação de topos e fundos ascendentes sobre as médias móveis.
  • Fundo anterior a 3.097€ continua intacto.
  • Período de consolidação após rompimento do primeiro topo a 3.45€, neste inicio de tendência ascendente.

    Gráfico semanal Mota-Engil

  Factores  contra o movimento ascendente de curto prazo;
  • Mota-Engil estar num inicio de tendência ascendente ainda frágil.
  • As recentes valorizações na Mota-Engil serem apenas consequência de um ressalto, após fortes desvalorizações que o título sofreu, e tornar-se uma falsa tendência ascendente.
  • Após recuperação da área de 61.8% de Fibonacci mensal, não ter realizado um retest ao mesmo na área de 3€.
  • A cotação estar estar junto das médias móveis.
  • Cotação estar próxima de uma resistência na área 3.69€ a 3.82€, anterior área que serviu de suporte durante algum tempo, e agora poderá tornar-se numa resistência.
  • A Mota-Engil ter valorizado mais de 50% desde o inicio do ano.

A Mota-Engil poderá ainda realizar uma rápida visita a 3.37€, sem por em causa este movimento ascendente em formação, no entanto estas últimas três sessões também acabaram por condicionar  objectivo de 4.20€, obrigando a reestruturar um novo objectivo mais curto para 3.80€ a 3.95€.

Esperemos que as próximas sessões sejam bem melhores, com  definição, força, apontar para norte, cada vez mais longe dos 3.097€, para que as dúvidas possam dissipar-se cada vez mais.

Bons investimentos!
Sem comentários:
Enviar um comentário